Repórter da Época se passa por Gay para frequentar curso de mulher de Eduardo Bolsonaro e quebra sigilo profissional
13/09/2019

Repórter da Época se passa por Gay para frequentar curso de mulher de Eduardo Bolsonaro e quebra sigilo profissional

A imprensa brasileira acaba de ultrapassar todos os limites da ética e da decência.

O Presidente da República, com toda a razão, está extremamente indignado.

Veja o que Bolsonaro acaba de publicar em suas redes sociais:

“IMPRENSA SEM LIMITES.

  • Sem se identificar, o jornalista João Paulo Saconi, da revista Época (grupo Globo), se passou por gay e fez 5 sessões com minha nora Heloísa (psicóloga, esposa do Eduardo) e gravou tudo.
  • Assuntos sugeridos por ele nas sessões, como religião e política, tomaram grande parte das sessões.
  • A conversa que deveria ficar apenas entre os dois, por questão de ética, agora vem a público.”

Todo o entorno de Bolsonaro está a mercê dos ataques da extrema-imprensa.

Isso definitivamente não é jornalismo.

Inscreva-se na nova rede social da direita www.fenickes.com

Fonte: Jornal da cidade

Curta e Compartilhe:
Fenickespb
Se você apoia o Presidente Jair Bolsonaro preencha esse formulário