Doria associa liberação da cloroquina ao governo de SP e causa revolta nas redes sociais
08/04/2020

Doria associa liberação da cloroquina ao governo de SP e causa revolta nas redes sociais

João Dória, governador de São Paulo, em coletiva nesta quarta (8), disse que foi o coordenador do centro de contingência contra à Covid-19 de São Paulo, o médico David Uip, quem recomendou ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que a cloroquina seja distribuída na rede pública do país.

Foi o médico infectologista David Uip, coordenador do Comitê de Saúde do Grupo de Contingência do Covid-19, que recomendou ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que distribuísse o medicamento na rede pública [de saúde] do país – explicou Doria.

A fala do governador gerou revolta nas redes sociais. 

Eduardo Bolsonaro chamou Doria de “canalha” por suas declarações a respeito da cloroquina.

– Canalha! Mil vezes canalha! O senhor não tem o mínimo senso de escrúpulo! Não tem vergonha na cara, governador João Doria – afirmou.

Vejam alguns Twittes:

Informações do site conexão política

Comente:

Por: Flávio Braga. Curta minha página no Facebook
Curta e Compartilhe:
Fenickespb

Curta nossa página no Facebook